MONITORAMENTO DESMATAMENTO E QUEIMADAS

O Prodes monitora por satélites o desmatamento por corte raso na Amazônia Legal desde 1988 e produz as taxas anuais de desmatamento nos estados da região. As taxas anuais são estimadas a partir dos incrementos de desmatamento identificados nas imagens Landsat.

Com a implementação do Zoneamento Ecológico Econômico do Estado  (ZEE/AC Fases I e II), o Governo do Acre tem atuado de forma mais rigorosa no processo de fiscalização e monitoramento do desmatamento dentro de seus limites territoriais, através da Comissão Estadual de Gestão de Riscos Ambientais – CEGdRA e da  Força Tarefa estabelecida na Casa Civil.  Assim, através da Unidade Central de Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto  – Ucegeo, os dados dos incrementos anuais do desmatamento do Prodes, disponíveis o sítio: http://www.dpi.inpe.br/Prodesdigital/Prodes.php. são processados e as informações são utilizadas como base para o processo de fiscalização integrada adotada pelas instituições de Comando e Controle, lideradas pelo IMAC.

Monitoramento Queimadas: Monitorar as queimadas e os incêndios florestais na Amazônia legal e no Estado do Acre, usando o Satélite de Referência AQUA MT–INPE. Este relatório contém o resumo diário do monitoramento de focos de calor, risco de fogo e qualidade do ar no estado do Acre, segundo dados do CPTEC/ INPE. Boletim do Tempo: um resumo para o público em geral, com a síntese das informações de previsão do tempo e do monitoramento da precipitação, nível dos principais rios, focos de calor e risco de fogo para a região.
   

     
   
     
Ir para o topo